publicidade
 
Tamanho da fonte: A- A+
Imprimir notícia
 
12.03.2019 - 14h59 Por Fábio Alves / Caetfest
 
Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Caetité “Anjo Azul” passa a ser de Utilidade Pública
 
 
Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Caetité “Anjo Azul” passa a ser de Utilidade Pública
Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Caetité “Anjo Azul” passa a ser de Utilidade Pública - Foto: Fábio Alves
 

Projeto foi aprovado na Câmara de Vereadores de Caetité por unanimidade



A Câmara de Vereadores do Município de Caetité aprovou na noite desta segunda-feira (12) o Projeto de Decreto Legislativo Nº 860 de 18 de fevereiro, que Considera de Utilidade Pública a Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Caetité “Anjo Azul”. O Projeto de autoria do Vereador Cláudio César Teixeira Ladeia foi aprovado por unanimidade, após Parecer da Comissão de Justiça e Redação da Câmara, que opinou favorável, dentro das suas atribuições legais e constitucionais.

A Associação poderá fazer convênios, contrair empréstimo, adquirir bens e filiar-se a outras entidades públicas ou privadas, sem perder sua individualidade, poder de decisão e luta social.

Foto: Arquivo

Constituída em 26 de maio de 2016, a Associação Anjo Azul é uma entidade civil, sem fins lucrativos e duração por tempo indeterminado, com sede na Praça da Catedral, 383 - Centro de Caetité e tem por finalidade defender os interesses e direitos das pessoas com transtornos do espectro autista (doravante-TEA),como definidos no DSM-V (Manual Diagnostico e Estatístico de Transtornos Mentais),também conhecido como transtornos globais de desenvolvimento no CID-10(Classificação Internacional de Doenças). Para tanto, visa promover, apoiar e incentivar a realização de projetos de divulgação e esclarecimento á população, cursos, seminários, pesquisas e estudos sobre os TEAs e temas relacionados, e poderá, ainda, desenvolver programas de amparo, ajuda, adaptação, habilitação, reabilitação e integração social ás pessoas com transtornos e seus familiares.

A Anjo Azul tem como objetivos específicos:

I- Atender pessoas com autismo, observando suas características, promovendo sua inclusão social, integrando-as na vida comunitária e de seus familiares;

II- Oferecer intervenções terapêuticas especializadas de forma gratuita;

III- Oportunizar as pessoas com autismo espaço de convivência, por meio de atividades recreativas, educacionais, culturais, esportivas e de lazer;

IV- Habilitar a pessoa com autismo ao convívio social por meio de atividades de desempenho funcional e programas educacionais especializados;

V- Incentivar e promover a participação da comunidade local, das instituições públicas e privadas nas ações, programas e projetos voltados ao atendimento da pessoa com autismo, por meio de palestras informativas, visitas técnicas dirigidas na sede da instituição, programas de estagio com instituições acadêmicas ou instituições congêneres e profissionais especializados na área;

VI- Facilitar o acesso dos associados e de seus familiares aos serviços assistenciais do município de Caetité e região, por meio de encaminhamento destes as respectivas instituições responsáveis pelo atendimento nas áreas da saúde, educação, assistência social, esporte, lazer e cultura;

VII- Desenvolver estudos e/ou pesquisas com finalidade de pôr em prática aos itens acima mencionados;

VIII- Estimular a ação de profissionais com especializações inerentes aos objetivos da associação anjo azul;

IX- apresentar sugestões, bem como buscar recursos junto a órgãos estatais e privados, visando o amparo constitucional dos autistas no que tange ao cumprimento das leis existentes, servindo também como órgão de assessoramento;

X- Elaborar programas de orientação visando o diagnóstico precoce dos transtornos do espectro do autismo (TEA),através de propaganda e divulgação de temática junto à população em geral;

XI- interagir junto as organizações de saúde, educação e assistência social para o atendimento e monitoramento, no sentido de facilitar o acesso de pessoas com TEA a acompanhamento especializado;

XII- Estimular a participação em seminários, congressos, pesquisa, estudos científicos e pedagógicos sobre TEA;

XIII- Estabelecer intercambio com outras instituições congêneres, instituições oficiais, e não oficiais e/ ou particulares.

Por Fábio Alves / Caetfest

Publicidade

 
Mais notícias
 
24.05.2019 - Prefeito de Caetité emite Nota de Esclarecimento
 
23.05.2019 - Embasa comunica abastecimento afetado em Caetité nesta quinta (23)
 
23.05.2019 - Polícia Militar da Bahia ganha primeira mulher com a patente de tenente-coronel
 
23.05.2019 - Obras de construção do Porto Sul começam no segundo semestre
 
22.05.2019 - “Espetacular!” - Prefeitura de Caetité traz o teatro para a Praça da Catedral
 
 
12.05.2019
Corrida do Trabalhador é realizada com sucesso em Caetité
08.05.2019
Apresentação da grade de atrações da Festa de Santa Cruz e lançamento da Revista Malhada
21.04.2019
VI Páscoa da Juventude em Caetité
18.02.2019
Sessão de Abertura do Legislativo Caetiteense
25.01.2019
Carnaval da Diversidade e Lavagem da Esquina do Padre 2019 - Sexta
25.01.2019
Chama no Merengue 2019
13.01.2019
33° Encontro de Ternos de Reis e 2° Encontro de Violeiros são realizados em Caetité
05.01.2019
12ª Edição da Festa da Camiseta de Ibiassucê - Parte 1
 
publicidade
publicidade
publicidade
 
 
Inicial | A cidade | Equipe | Notícias | Eventos | Ensaios | TV Caetfest | Contato | Webmail
CaetFest © 2004-2019. Todos os direitos reservados. Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções Internet